Patrimônio Imaterial

Tesouros Vivos 2004

PATRIMÔNIO IMATERIAL 9 de janeiro de 2013 - 11:01

Francisco Pedrosa de Sousa Nome Artístico: PantecaData de Nascimento: 03/02/1920Cidade: SobralTradição Cultural Desenvolvida: Boi-Bumbá“Boi Folguedo popular, que em Sobral faz parte do ciclo junino, encontrado com variantes em todo o Brasil, tendo por episódio central a morte e ressurreição do Boi.” São 40 anos dedicados ao Bumba-meu-boi. O amor de Mestre Panteca pelo reisado pode […]


Tesouros Vivos 2005

PATRIMÔNIO IMATERIAL 8 de janeiro de 2013 - 18:56

Antônio Batista da Silva Nome Artístico: Mestre PiauíData de Nascimento: 15/09/1939Cidade: QuixeramobimTradição Cultural Desenvolvida: Boi de Reisado“Boi Folguedo popular, que em Sobral faz parte do ciclo junino, encontrado com variantes em todo o Brasil, tendo por episódio central a morte e ressurreição do Boi.”“Reisado Folguedo do ciclo natalino, que representa o cortejo dos Reis Magos […]


Tesouros Vivos 2006

PATRIMÔNIO IMATERIAL 8 de janeiro de 2013 - 17:26

Antônio Pinto Fernandes Nome Artístico: Mestre AntônioData de Nascimento: 12/05/1924Cidade: AuroraTradição Cultural Desenvolvida: Construtor de Rabecas“Rabequeiro Instrumentista que toca uma espécie de violino não-padronizado, que anima as festas e folguedos populares no interior do Brasil” Mestre Antônio, construtor e tocador de rabeca. Fez sua primeira rabeca ainda criança, continuando o ofício até hoje, produzindo exemplares […]


Tesouros Vivos 2007

PATRIMÔNIO IMATERIAL 8 de janeiro de 2013 - 13:33

Antônio Gomes da Silva Nome Artístico: TotonhoNascimento: 13 de fevereiro de 1960Cidade: Mauriti, no distrito de São FélixAtividade: Luthier de Violino“Luthier – Manifestação artística que engloba a construção e restauração, de modo artesanal, de instrumentos de corda com caixa de ressonância, tal como a violino, viola, violoncelo, contrabaixo.” Mestre Totonho, pequeno agricultor, divide seu tempo […]


Tesouros Vivos 2008

PATRIMÔNIO IMATERIAL 8 de janeiro de 2013 - 13:33

Ana Maria da Conceição Atividade: DramistaEndereço: Sítio Tucuns/Distrito de Pindoguaba – Tianguá-CENascimento: 27 de julho de 1956 É integrante do grupo de dramistas dos Tucuns que traduz uma manifestação popular que mistura música e expressões corporais que representam práticas dramáticas de comunidades rurais. Os dramas são cantados pelas mulheres que fazem parte do grupo, acompanhadas […]


Tesouros Vivos 2009

PATRIMÔNIO IMATERIAL 8 de janeiro de 2013 - 13:28

Antônio Luiz de Souza Atividade: Reisado de CaretasEndereço: Sítio Sassaré, 23 – Potengi-CENascimento: 21 de setembro de 1957 Filho de Luiz Gonzaga de Souza e Neuza Francisca de Souza, nasceu em Potengi, no ano de 1956.  Antonio Luiz como é conhecido, se tornou brincante do Reisado de Caretas, em 1980. O reisado de caretas do […]


Tesouros Vivos da Cultura- Mestres da Cultura

PATRIMÔNIO IMATERIAL 8 de janeiro de 2013 - 13:23

A Secretaria da Cultura do Ceará define como “Tesouros Vivos da Cultura” as pessoas, grupos e comunidades que são, reconhecidamente, detentoras de conhecimentos da tradição popular do Estado. Através de edital público, a Secult identifica e recebe inscrições para o processo seletivo que confere o título e um auxílio financeiro temporário ou vitalício aos selecionados […]


O que é Registro

PATRIMÔNIO IMATERIAL 8 de janeiro de 2013 - 12:43

É o reconhecimento da importância cultural daquela manifestação , através de seu REGISTRO no Livro dos Bens Imateriais . Para isso é preciso que seja feita uma profunda pesquisa e documentação daquela manifestação em particular , que deve estar em qualquer das áreas : saberes e fazeres, celebrações , lugares , expressões e práticas . […]


Patrimônio Imaterial

PATRIMÔNIO IMATERIAL 8 de janeiro de 2013 - 12:39

A Constituição Federal definiu o patrimônio cultural brasileiro como sendo o conjunto de bens de natureza material e imaterial. Por imaterial compreendem-se “as práticas, representações, expressões, conhecimentos e técnicas – junto com instrumentos, objetos, artefatos e lugares que lhe são associados – que as comunidades, os grupos e, em alguns casos, os indivíduos reconhecem como […]