Secretarias e Órgãos

Telefones úteis

Redes Sociais

Projeto Porto Dragão do Mar investe na circulação estadual, nacional e internacional de artistas cearenses
Sex, 11 de Agosto de 2017 11:33

Realizado pelo Governo do Ceará, por meio da Secretaria da Cultura e do Instituto Dragão do Mar, o projeto dá a largada no dia 17 de agosto, em Sobral. Além de outras cidades cearenses, serão realizadas apresentações em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Nova York (EUA). Porto Dragão do Mar, iniciativa inédita, o objetivo é fazer circular a vasta produção artística do Ceará, em diversas linguagens, dentro do próprio estado e também nacional e internacionalmente, com apresentações em centros culturais, festivais e mostras, inicialmente, nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais e ainda na cidade norte-americana de Nova York, nos EUA. As ações do Porto Dragão do Mar se iniciam já na próxima quinta-feira (17), com show do Projeto Rivera, em Sobral.

Segundo o presidente do Instituto Dragão do Mar, o jornalista e antropólogo Paulo Linhares, o Porto Dragão do Mar tem o intuito de desenvolver as cadeias dos setores criativos como a música, as artes visuais e o audiovisual. Num primeiro momento, as ações do projeto se concentram na música, por ser uma das cadeias criativas de maior impacto na economia do Ceará. “Analisamos que o sucesso da Maloca Dragão (festival de aniversário do Centro Dragão do Mar) havia atingido um ápice que precisava extravasar com a circulação desses artistas. É preciso gerar visibilidade a partir de uma compreensão da força cultural cearense. Por isso, estamos negociando shows em importantes e representativas praças de consumo do campo cultural do Brasil e do Exterior”, define Linhares.

Nesta etapa inicial do projeto, vão circular os artistas que desenvolveram projetos no Laboratório de Criação do Porto Iracema das Artes, escola de formação e criação artística do Instituto Dragão do Mar, que neste mês completa quatro anos de atuação; e ainda cantores e bandas que participaram da última edição do Conexões Maloca. Parte da programação da Maloca Dragão, o Conexões é um mercado de negócios da cultura que trouxe 34 grandes realizadores locais, nacionais e internacionais desse campo, dispostos a conhecer e a fazer circular a arte do Ceará. Em speed meetings, foram apresentadas 52 bandas cearenses aos convidados, além da imersão na cultura do Estado assistindo aos shows e espetáculos ao longo do festival, em abril deste ano.

Descentralização

O Projeto Porto Dragão do Mar começa a fazer circular os artistas cearenses já na próxima quinta-feira (17), com show gratuito do Projeto Rivera, no Largo das Dores, em Sobral. A agenda de shows segue até dezembro, com Orquestra Popular do Nordeste, Daniel Groove, Casa de Velho, Daniel Peixoto e Nafandus. Na cidade sobralense, a parceria foi estabelecida com a ECOA, que é vinculada à Prefeitura Municipal de Sobral e que foi um dos realizadores presentes no Conexões Maloca. Organização social assim como o Instituto Dragão do Mar, a ECOA é responsável pela formulação e implementação de políticas culturais na cidade.

A presidenta da ECOA, Luisa Cela, reforça a importância do projeto. “O grande propósito é fortalecer o mercado da cultura e possibilitar que artistas que passam por todo um investimento no Instituto Dragão do Mar possam ser reconhecidos em outros lugares. Ficamos felizes que o projeto comece em Sobral. Até porque, os artistas daqui também vão circular em Fortaleza, através dessa importante articulação”, comenta Luisa.

Além da curadoria realizada pelo Instituto Dragão do Mar, o projeto receberá artistas indicados pelo parceiro não só de Sobral, mas de toda cidade participante do projeto, conforme adianta João Wilson Damasceno, diretor de Ação Cultural do Dragão do Mar. Ele acrescenta ainda que os próximos municípios cearenses a receberem os shows do Porto Dragão do Mar são Crato, Juazeiro e Quixadá. Fora daqui,serão realizados shows em São Paulo, junto ao SESC SP; no Rio Janeiro, em parceria com o Circo Voador; em Minas Gerais, em parceria com a Secretaria da Cultura de Belo Horizonte; e em Nova York(EUA), em parceria com o Lincoln Center, considerado o maior complexo de artes cênicas do mundo. Todos esses parceiros enviaram representantes ao Conexões Maloca.

“Saindo da quarta edição da Maloca Dragão, é notável que estamos fortes do ponto de vista de criação artística e de receptividade do público em relação a essa produção, no Ceará. Pelo Porto Iracema, já passaram mais de 20 projetos de música. Todo esse processo é consequência do cenário criativo que estamos vivendo, mas também de ações como essas – Maloca, Porto e agora o Porto Dragão – desenvolvidas pelo Instituto Dragão do Mar e o Governo do Estado”, avalia João Wilson. A quarta edição da Maloca Dragão, em abril deste ano, teve público de mais de 450 mil pessoas em seis dias de programação e mais de 130 atrações, de maioria cearense, distribuídas em 20 espaços do Centro Dragão do Mar e Praia de Iracema.

PROGRAMAÇÃO 2017 EM SOBRAL

17 de agosto
Projeto Rivera - Local: Largo das Dores

23 de agosto
Orquestra Popular do Nordeste - Local: em frente ao teatro São João

21 de setembro
Daniel Groove (dentro da Semana do Poeta) - Local: Largo das Dores

20 de outubro
Casa de Velho (dentro da Bienal de Dança) - Local: Boulevard do Arco

2 de novembro
Daniel Peixoto (dentro da Feira da música) - Local: largo das dores

16 de dezembro
Nafandus (dentro do Ponto.Ce) - Local: Largo das Dores

SERVIÇO
Projeto Porto Dragão do Mar - Show Projeto Rivera
Quando: dia 17 de agosto de 2017
Onde: Largo das Dores, em Sobral
Hora: 19h
Acesso gratuito

 

Calendário

Agosto 2017
D 2a 3a 4a 5a 6a S
30 31 1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31 1 2